segunda-feira, 30 de março de 2015

Educação - do seu filho - à distância. É o fim!


Hoje em dia muitos jovens fazem faculdade ou cursos técnico à distância, os chamados EAD. Sem sair de casa ou do trabalho, estudam online. A modernidade e a falta de tempo dos dias atuais foram os responsáveis por esta nova forma de estudar. Se os resultados são os mesmos do que os cursos presenciais? Não mesmo.
Mas pior do que isso é educar seus filhos à distância. Isto acontece quando os pais (não importa o motivo que aleguem) decidem que outras pessoas são responsáveis pela educação de seus filhos: babás, professores, avós (salvo quando estes são os verdadeiros responsáveis). O fato de você trabalhar fora não é desculpa para não educar. Muitas mães passam bastante tempo fora de casa e quando chegam precisam dar conta dos afazeres domésticos. Mas então como educar? Eu insisto no diálogo e no amor. Na conversa e na amizade. No exemplo que é dado com a convivência. Tudo o que fazemos nossos filhos observam e copiam. 
Tenho acompanhado crianças que convivem com minha filha na escola que estuda, que infelizmente têm mostrado o que aprendem - em casa ou com quem convivem. Claro que minha filha não é uma criança perfeita, ela comete erros. Mas por ser educada de forma presencial e não à distância, consigo reconhecer estes erros e também os problemas e dilemas que ela enfrenta e ajudá-la a vencê-los. O problema é quando a distância entre os pais e seus filhos se torna tão grande que é impossível ver quando eles precisam de ajuda ou quando precisam ser corrigidos. 
A conversa franca e os sábios conselhos de pais e mães criam laços que duram uma vida inteira. Não perca estes momentos, pois nossas crianças crescem rápido demais. A entrada na adolescência já é um processo por demais complicado, imagine se este (a) jovem não sentir que tem apoio dentro de casa? 
Pais precisam, acima de tudo, ser justos e ensinar esta justiça. Vejo muitas mães reivindicando dentro da escola ensinamentos que deveriam estar sendo dados dentro de casa. Onde está a justiça neste caso? E estas crianças estão observando este comportamento e se aproveitando dele:


Ser justo não significa sempre dar razão à professora ou à seu filho. Ser justo na educação de seus filhos significa conhecê-los ao ponto de saber o que eles precisam para que possam evoluir. E isso não acontecerá à distância. 
Ao chegar em casa, reserve um tempo para conversar, para ensinar, para beijar e abraçar. Para ler juntos, para fazer a lição de casa e as tarefas do lar em conjunto. Tudo isso resulta em amizade e amor. 
Porque será que os cursos mais importantes como medicina, direito, jornalismo e engenharia não são dados à distância? Pois exigem a presença em sala de aula e a convivência com os professores. Exigem que o aluno se dedique mais e se aprofunde nos estudos. A mesma coisa acontece com a educação de nossos filhos, exige mais sacrifício. Não entregue seus filhos à televisão, à internet ou à terceiros. Fique próximo, o máximo que conseguir. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...